Make your own free website on Tripod.com
Associação de Amigos do Casarão
O que é o Casarão | Apelo à Sociedade | Dossiê dos Excluídos | Famílias do Casarão | Oficinas e Associação | Carta ao Prefeito | Ajuda aos Jovens | Direito à Alimentação | Queremos Dignidade | Repes e Poesia | Programação | Notícias | Como Associar-se | Pontes com Entidades | Contate-nos

NANDINHO VIVE!

Adriano Ruschel Marinho - psicólogo voluntário - 24/03/2002

São 9 famílias de sem-teto ocupando o Casarão, uma área predial abandonada bem no Centro de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. O cotidiano é de miséria e marginalidade, doença e indiferença, medo e discriminação. Nandinho foi, já em 1996, o primeiro a ocupar o local não só de passagem (mocó), mas pra ficar. Com o tempo, outras famílias foram se instalando ali com a sua autorização. Nandinho também constitui família a partir do nascimento da filha em maio de 2000. Mas veio a falecer em 18/06/2001, com apenas 22 anos. Acreditava ser possível mudar a cara do Casarão. Outros agora ainda querem mudar. Sonham com um futuro melhor pra si e pros filhos, muitos ainda crianças. Mas, sem apoio, é complicado. Não é fácil escapar da decadência imposta pela exclusão social. Precisam de ajuda. Eis a razão deste sítio na rede: resgatar o mito da esperança. Nandinho Vive!

Imagem de globo; Tamanho real=180 pixels de largura

NOSSO SONHO PRECISA DE AJUDA

Queremos nos constituir juridicamente como Associação de Amigos do Casarão, mas não sabemos como fazer isso.
Queremos implantar oficinas culturais, artísticas e profissionalizantes, mas não temos voluntários para coordená-las.
Queremos um projeto social capaz de gerar renda e trabalho dentro do Casarão, mas nos falta apoio para reformar os prédios e assim garantir a segurança do espaço.
Queremos que o público-alvo desse projeto seja a população de rua que circula pelo Centro de Porto Alegre, mas nem sabemos direito como nos capacitar.
Queremos provar que mudar de atitude é possível, mas temos dificuldade para nos organizar e servir de exemplo aos demais.
Precisamos de ajuda para aprender a ajudar nossa gente que vagueia pela cidade sem rumo e sem endereço.
Assim é o sonho.

COMO ORGANIZAMOS ESTE SÍTIO

Sobram talentos no Casarão, apesar das carências. Desde a morte de Nandinho, muita conversa já rolou sobre o assunto: como organizar oficinas de trabalho e arte a partir das áreas de interesse manifesto de cada um? Afinal, todos trazem consigo uma bagagem de experiência, formação, talento e vibração. É fundamental que cada pessoa aprenda a aprofundar o que há de melhor em si mesma. Nessa busca, alguns textos foram e outros ainda vão ser escritos. A exposição desse material é uma boa forma de mostrar um pouco que seja da inquietude de seus autores. Cada página adiante reúne escritos e fotos de um morador ou amigo do Casarão, revelando planos e desabafos, dúvidas e certezas, encantos e desencantos, ilusões e desilusões. Venham visitar-nos. Obrigado!

Associação de Amigos do Casarão
Rua Washington Luís nº 217 * Porto Alegre / RS * Brasil * CEP 90010-000